Legisladores buscam mais respostas do CEO do Facebook,Zuckerberg

Para legisladores, privacidade ainda é preocupação.

Dois congressistas americanos buscam informações para saber sobre o novo atributo projetado para prover  informações de usuários do Facebook para terceiros.

Pela segunda vez em menos de 6 meses ,dois influentes congressistas americanos enviaram cartas ao CEO do Facebook Marck Zuckerberg questionando  as práticas de compartilhamento de informações da rede social.

A última carta dos representantes americanos Edward Markey e Joe Barton questionava o porquê do Plano do Facebook de tornar endereços e celulares disponíveis da rede social para qualquer pessoa.

O atributo, que não havia sido revelado até Janeiro, visa permitir que, desenvolvedores de aplicações e editores acessem o endereço completo e números de telefones(inclusive celulares) dos usuários do Facebook, mas somente com suas permissões.

Houveram porém, alguns dias depois, algumas preocupações quanto a privacidade dos usuários.Sendo assim , a empresa disse que tem planos de lançar esse atributo daqui a algumas semanas com algumas atualizações.

Por hora, a dupla deseja saber  se essas ”Atualizações ” irão expor ainda mais informações a terceiros.

Há também a  preocupação nas medidas que o Facebook pretende tomar quanto ao acesso de informações de crianças e adolescentes por terceiros.

Markey, o autor de Children’s Online Privacy Protection Act (COPPA) está trabalhando em uma maneira de prevenir que anunciantes possam rastrear hábitos de navagação de usuários.

A carta também possui notas apontando que o Facebook anunciou a funcionalidade em um blog de desenvolvedores, e pergunta como as companhias buscam formalmente notificar os usuários desta nova funcionalidade.

O congressista também perguntou a Zuckerberg  para prover detalhes sobre que tipo de informação coletada o Facebook possui sobre os seus usuários antes de bloquear a funcionalidade.

Em uma de suas primeiras cartas que Markey e Barton enviarão para Zuckerberg no mês de outubro de 2010,ambos buscavam informações sobre relatórios de uso de famosos aplicativos do FAcebook tais como Farmville eTExas HoldEm Poker para descobrir que tipo de informações eram coletadas e compartilhadas com dezenas de empresas de propagandas.

Em resposta de um pedido de comentário, o pessoal do FAcebook enviou uma declaração que não fez referência direta a carta de Markey e Barton com o seguinte dizer:

”Como uma empresa inovadora que somos, que é responsável por seus usuários,nós acreditamos que existe um tremendo valor em dar as pessoas a liberdade de poderem controlar a informação que elas mesmas colocam no Facebook ou em outros sites”.

O depoimento frisa que há  a garantia de que toda a informação exposta no site possui autorização expressa dos usuários e que o sistema de permissões de usuáriosfoi projetado em colaboração com experts na área de privacidade online.

O Facebook declara a necessidade de melhorias na área de privacidade antes que o recurso seja finalmente habilitado.”Muita gente aqui na empresa está trabalhando para que possamos compartilhar o progresso em breve”, de acordo com a declaração do Facebook.

Matéria traduzida do Computerworld.

Anúncios

Sobre The Cog
...

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: